Notícias

Arquivo de Notícias

15.08.2015

Maciel Melo canta e conta a sua história

O cantor, compositor e poeta Maciel Melo, de Iguaraci, Pernambuco, lança seu primeiro livro A…
Leia mais

15.08.2015

Magno Martins lança livro que retrata a seca

O ano de 2013 foi marcado por uma das maiores secas que castigou Pernambuco. Após percorrer…
Leia mais

15.08.2015

Antônio Vilaça e Marcos Vinicios Vilaça são os homenageados em Limoeiro

Membro da Academia Brasileira de Letras (cadeira 26), sócio correspondente da Academia das Ciências de…
Leia mais

13.08.2015

A força e o sonho de Umbilina

O jornalista e premiado escritor Cícero Belmar apresenta na I Bienal de Limoeiro o seu livro…
Leia mais

13.08.2015

A literatura confessional de Carrero

O escritor, articulista e jornalista Raimundo Carrero, nascido em Salgueiro (PE), é um dos destaques da…
Leia mais

13.08.2015

Nelson Ferreira: o dono da música

Jornalista Ângela Fernanda Belfort relata histórias desde o início da carreira do compositor de Evocação nº…
Leia mais

28.07.2015

Alunos foram incentivados a estudar e escrever sobre a vida e obra literária de Antônio Vilaça

O município de Limoeiro, em parceria com a Andelivros, realiza a sua I Bienal do Livro…
Leia mais

09.06.2015

Bienal do Livro de Limoeiro é lançada nesta terça-feira

O município de Limoeiro, em parceria com a Andelivros, lançou na manhã desta terça-feira (9),…
Leia mais

09.12.2014

I Bienal do Livro de Pesqueira começa nesta terça-feira, 09.12

A magia dos livros vai contagiar os leitores do Agreste e do Sertão pernambucano, no…
Leia mais

04.12.2014

Arnaud Mattoso lança Carcará, o artista por trás das galinhas de Porto

Arnaud Mattoso, escritor, jornalista e professor universitário em Ipojuca, lança mais uma obra: Carcará, o…
Leia mais

A força e o sonho de Umbilina

13.08.2015

O jornalista e premiado escritor Cícero Belmar apresenta na I Bienal de Limoeiro o seu livro Umbilina e Sua Grande Rival, que já foi destaque do Prêmio Literário Lucilo Varejão, da Fundação de Cultura da Prefeitura do Recife. O romance retrata a história de Umbilina, uma sertaneja que sofreu a maior dor que se pode ter nesta vida ao ver nove dos seus dez filhos serem levados pela morte. Preocupada com o único que sobreviveu, José Maria do Ventrojesus, deseja transformá-lo em personagem da literatura de cordel antes da sua partida. A sessão de autógrafos e papo com o autor será na tarde do domingo, às 16h.

cicero belmar

Umbilina não quer morrer sem ver José Maria imortalizado em versos tal como já o foram João Grilo e Pedro Malasartes. O que a sertaneja não contava era com o desinteresse do poeta pelo filho, afinal, a personagem ideal era a própria Umbilina. O livro é decorado com xilogravuras exclusivas de J.Borges e apresentação de Raimundo Carrero. É uma homenagem à cultura popular e à literatura de cordel, tendo sido fruto de uma longa pesquisa de linguagem e de costumes. “Acho que o sertanejo vive, na prática, o realismo mágico da literatura. Pois, sem acesso às informações, atribui ao Sagrado todos os fenômenos que ele não sabe explicar. O livro Umbilina é cheio de detalhes do catolicismo popular”, afirma Belmar.

A literatura confessional de Carrero

13.08.2015

O escritor, articulista e jornalista Raimundo Carrero, nascido em Salgueiro (PE), é um dos destaques da I Bienal do Livro de Limoeiro. O homem de hábitos e fala simples irá apresentar o romance confessional O Senhor Agora Vai Mudar de Corpo, que tem alcançado uma ótima repercussão em todo o País. A obra é uma análise do acidente vascular cerebral (AVC), que ele sofreu em 2010 e de cujas sequelas ainda está se curando. A sessão de autógrafos será no sábado, às 18h.

Raimundo Carrero é o grande homenageado da Feira Internacional do Livro de Pernambuco

Raimundo Carrero é uma das atrações da Bienal do Livro de Limoeiro

Além do lançamento do livro, os visitantes poderão desfrutar dos ensinamentos do mestre durante os encontros da oficina literária. Intitulada A Sedução do Leitor, a iniciativa pretende discutir e revelar os segredos da narrativa em Machado de Assis e Graciliano Ramos. “Sobretudo em Dom Casmurro e em Vidas Secas, que são romances eminentemente técnicos de dois dos autores mais importantes do Brasil, cujas habilidades técnicas por algum motivo foram esquecidas pelos professores e alunos. É preciso retomar tudo isso para que nós possamos colocar a literatura no lugar da literatura. A literatura é arte”, analisa.

Carrero reconhece a dificuldade que é a literatura fazer-se presente no interior. “Temos na verdade poucas livrarias no interior e o hábito da leitura é reduzido. E isso é algo que atinge não só o interior, mas o Nordeste em geral e mesmo o Brasil.” O escritor lembra ainda que a participação dos familiares é determinante. “Só se é um bom leitor por hábito e não por indicação do professor. Os educadores têm uma contribuição riquíssima a dar à literatura, mas é preciso também que os pais e a família se conscientizem de que o hábito é adquirido em casa. O papel da família é decisivo”, argumenta o romancista.

Nelson Ferreira: o dono da música

13.08.2015

angela

Jornalista Ângela Fernanda Belfort relata histórias desde o início da carreira do compositor de Evocação nº 1 Século 20, década de 20, tempos de cinema mudo, quando o maestro Nelson Ferreira se apresentava nas orquestras, ajudando o público a mergulhar nas histórias contadas na telona. Nos dez anos seguintes, o músico ingressava na Rádio Clube, a única emissora do Estado. Leia mais

Página 2 de 1312345...10...Última »